Conheça as regras que existem na guerra!

destaq

Mesmo durante as guerras, os países devem seguir certas regras internacionais. As leis fazem parte da Convenção de Genebra.
O difícil e imaginar que vai no meio da guerra inspecionar se as regras estão sendo cumpridas.

regras da guerra

Regra 01
Os países em guerra não podem usar armas químicas uns contra os outros.

Regra 02
O uso de balas explosivos ou de material que cause sofrimento desnecessário às vitimas é proibido.

Regra 03
O bombardeio de balões com projéteis (como balas e foguetes) é proibido.

bomba

Regra 04
Prisioneiros de guerra devem ser tratados com humanidade e pretegidos da violência. Não podem ser espancados ou usdos com interesses propagandísticos.

Regra 05
Prisioneiros de guerra precisam fornecer seu nome verdadeiro e patente. Quem mentir pode perder sua proteção.

Regra 06
As nações devem identificar os mortos e feridos e informar seus familiares.

Regra 07
É proibido matar alguém que tenha se rendido.

soldado se rendendo

Regra 08
Nas áreas de batalha, devem existir zonas demarcadas para onde os doentes e feridos possam ser transferidos e tratados.

Regra 09
Proteção especial contra ataques será garantida aos hospitais civis marcados com a cruz vermelha.

Regra 10
é permitido a passagem livre de medicamentos.

Regra 11
Tripulantes de navios naufragados pelo adversário devem ser resgatados para terra firme com segurança.

resgatando soldado

Regra 12
Qualquer exército que tome o controle de outro país deve providenciar comida para os habitantes locais.

Regra 13
Ataques em cidades desprotegidas são proibidos.

Regra 14
Submarinos não podem afundar navios inimigos de passageiros ou comerciais se antes retirar os passageiros e a tripulação.

Regra 15
Um prisioneiro pode ser visitado por um representante de seu país. Eles podem conversas reservadamente, sem a presença do inimigo.

prisioneiro de guerra

Gostou? Curta nossa pagina no Facebook e fique por dentro das novidades!

Viu algum erro ou gostaria de dar uma sugestão para atualizarmos esta matéria? Colabore com a nossa equipe clicando aqui!

COMENTÁRIOS